Rádio

Rádio

Rádio SC

Seguidores

terça-feira, maio 17, 2016


POR QUE EXISTE TANTA RESISTÊNCIA AO TRABALHO COM CRIANÇAS? 

0 primeiro motivo é a passividade diante do pensamento de que elas Já são salvas e, portanto, nada temos a acrescentar em relação a Isso, O segundo motivo é o pensamento equivocado de que elas não podem ser úteis a Deus na vida da igreja, Esses dois conceitos estio equivocados. Devemos entender que as crianças são pecadoras e necessitam de salvação, além disso, são alvo de ataques malignos. Mas
0 principal é que elas podem ser usadas como instrumentos nas mãos de Deus quando recebem a Cristo. Gosto da forma como João escreveu sua epístola e a endereçou aos paIs, aos jovens e aos filhinhos. Normalmente, alegorizamos essas expressões atribuindo-as aos estágios do crescimento na fé, mas isso não está claro no texto, creio que podemos entendê-las perfeitamente de modo literal. João estava preocupado com os filhinhos, com as crianças na vida da igreja (1 Jo 2. 12-1tl). É interessante que, nos três evangelhos, quando se menciona que as crianças eram trazidas a Jesus, não se diz que eram os pais que as traziam, apenas se diz que as pessoas traziam crianças. Eu creio que os pais não são mencionados porque havia mais pessoas envolvidas. Isso aponta para 0 nosso ministério com crianças. Nós estamos aqui para levar as crianças a Jesus.

PRIMEIRO  CONCEITO ERRADO : AS CRIANÇAS NÃO SÃO 
PRIORIDADE  
 Nos evangelhos, lemos que os discípulos tentavam 
impedir que as pessoas trouxessem as crianças para que Jesus as 
abençoasse. Tanto Mateus como Marcos e Lucas dizem que 
os discípulos as-repreendiam-. Esta é a mesma palavra 
usada para descrever o que Jesus fez para acalmar a 
tempestade no Mar da Galileia. Significa"amordaçar, ameaça sob 
ameaça de punição". os discípulos estavam passando uma 
mensagem clara : O Mestre tem coisas mais importantes para 
fazer. Mas a reação de Jesus foi realmente forte 
Os evangelhos relatam que Ele ficou 
indignado Mc 10:13-14
Jesus não apenas recriminou, mas se 
indignou. Então, sua repreensão foi 
bem mais severa. A indignação é uma 
das forças mais poderosas que move 
0 espírito humano. Creio que a 
indignação do Senhor demonstra a 
importância que ele dá ao trabalho 
de abençoar as crianças 

INVESTIR EM CRIANÇAS É SALVAR A PRÓXIMA GERAÇÃO 

Quando Moisés foi enviado a Faraó para ordenar-lhe que 
deixasse o povo de Israel sair, Faraó consentiu, com a condição 
de que as crianças ficassem no Egito. Evidentemente, Moisés 
não concordou com aquilo ; mas, supondo que ele tivesse 
concordado, isso teria sido o fim da nagão de Israel. Quando eles 
estavam caminhando no deserto, O Senhor rejeitou os adultos 
dizendo que não entrariam em Canaã, mas somente os seus 
filhos. Somente aquelas crianças que Faraó tentou manter no 
Egito é que cumpriram a missão da nagão de entrar em Canaã. 
Creio que há uma promessa sobre a igreja em todas as épocas 
que somente pode ser cumprida pela geração seguinte. 
Precisamos ser zelosos para que 0 mover de Deus passe para a 
geração seguinte. 

Fonte: Visão do Reino

Nenhum comentário:

Postar um comentário